Saiba identificar os sinais de um relacionamento abusivo

Neste mês de agosto, a Polícia Militar de Curvelo está se empenhando em uma campanha para ajudar no combate da violência doméstica contra a mulher.

“Agosto Lilás”, este foi o nome dado para essa iniciativa que incentiva as mulheres a denunciarem qualquer tipo de violência que estejam sofrendo por parte dos seus companheiros, violência essa que costuma dar sinais que podem passar despercebidos e anteceder situações trágicas.

Conheça agora, dez sinais que podem te ajudar a identificar se você ou alguma pessoa próxima pode estar vivendo um relacionamento abusivo:

1° Você está errada: O seu companheiro te faz acreditar que você sempre está errada. Além disso, faz você se sentir culpada pela agressividade dele.

2° Sem escolhas: Seu parceiro se acha no direito de controlar suas escolhas, e na maioria das vezes ele escolhe por você, mas te faz acreditar que a escolha foi sua.

3° Quebra tudo: Ele pode não te agredir fisicamente, mas desconta a raiva destruindo objetos que estão ao seu redor.

4° Isolamento: A pessoa que é abusadora não gosta que você faça novas amizades, nem que comente sobre a sua relação com outras pessoas.

5° Ameaça sentimental: Seu parceiro sempre diz que ninguém vai querer você ou te amar, apenas faz este “sacrifício” por você.

6° Ciúme excessivo: Quem tem uma atitude abusiva dentro de um relacionamento sente muito ciúme e é possessivo em excesso.

7° Contrariado: Você constantemente, faz coisas contra a sua vontade para não ver a outra pessoa nervosa e não ter um problema com ela.

8° Promessas: Após fazer algo que te deixou triste, ele promete que irá mudar, que nunca mais fará aquilo e até chora, mas nunca muda.

9° Defeitos à mostra: Para apontar suas falhas, ele não pensa duas vezes. Já as suas qualidades, é difícil de perceber: Elogios são raros.

10° Te coloca para baixo: Normalmente, ele tenta diminuir suas conquistas como se elas não fossem relevantes, e busca acabar com a sua esperança de dias melhores no futuro.

Um relacionamento abusivo não começa com tapa na cara ou ameaça de morte. A violência, inclusive, pode jamais se manifestar de forma física. Infelizmente, isso não significa que a dor e a destruição sejam menos reais. Se você identificou algum desses sinais, não se cale. Peça ajuda.

Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência: Disque 180 (serviço de utilidade pública gratuito e confidencial).