Tema da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia: O que é bioeconomia?

Todos os campi do CEFET-MG promovem apresentações de pesquisas,
palestras e cursos na 16ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, que
acontece de 21 a 27 de outubro

A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia cresce a cada edição e
envolve mais instituições e municípios do país. Todos os anos, o
Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC)
escolhe uma temática para o evento; em 2019, será ?Bioeconomia:
diversidade e riqueza para o desenvolvimento sustentável?. Mas afinal,
o que é bioeconomia e qual a importância desse tema?

A professora Glauciene Martins, que ministra disciplinas do eixo de
Empreendedorismo e Planejamento Estratégico do Departamento de
Ciências Sociais Aplicadas do CEFET-MG, explica que o conceito de
bioeconomia foi introduzido por Georgescu-Roegen em 1971, partindo das
interrelações entre economia e natureza. ??Bio?, de origem grega,
significa vida. Já Economia é a ciência que busca compreender como as
sociedades usam seus recursos escassos e os processos de produção,
troca e consumo de bens e serviços. Contrariando a possibilidade de
crescimento sem limite e analisando a economia sob a ótica das
ciências naturais, a bioeconomia propõe uma abordagem mais
integradora, contribuindo para a formação de um novo modelo de
sociedade. Essa compreensão possibilita as bases para o
desenvolvimento sustentável, a economia ecológica e a sustentabilidade
ambiental?.

Segundo a Organização para a Cooperação de Desenvolvimento Econômico
(OCDE), a bioeconomia envolve três elementos: biotecnologia,
conhecimento, biomassa renovável e integração entre aplicações.
Segundo Glauciene, acredita-se que inovação em diversos campos do
conhecimento seja necessária para solucionar os problemas de como a
economia é estabelecida na maior parte do planeta, como, por exemplo,
o esgotamento das fontes não renováveis de materiais e energias, a
poluição e o aquecimento global. ?Se antes o foco era na produção em
massa, acesso a bens de consumo, geração de empregos em grandes
centros urbanos, atualmente, com a introdução da lógica da bioeconomia
e do desenvolvimento sustentável, o foco passa a ser a aproveitamento
de resíduos, eficiência na utilização dos recursos (fazer mais com
menos recursos), energia renovável, baixa emissão de carbono e de
outros gases nocivos, biodiversidade, bem-estar social, saúde humana?,
explica.

A professora destaca a importância da temática para ser tratada na
Semana C&T. ?O Brasil é um país que possui grande biodiversidade e
recursos naturais em abundância, além de possuir a produção agrícola
como importante atividade econômica. Além disso, a bioeconomia
fundamenta, em grande medida, os 17 Objetivos Globais para o
Desenvolvimento Sustentável estabelecidas pela Assembleia Geral das
Nações Unidas (ONU). Assim, o desenvolvimento científico e tecnológico
propiciado pelas instituições de ensino e pesquisa no Brasil é
necessário não somente para gerar inovações que tornem a bioeconomia
viável, como para capacitar pessoas, sugerir políticas públicas e
difundir inovações para a sociedade?, ressalta.

Pesquisa desenvolvida
A professora Glauciene desenvolveu uma pesquisa na ?Serra do Cipó?,
Minas Gerais, que possibilitou a elaboração de um modelo de análise
que avalia o alinhamento conceitual da inovação a uma lógica distinta
da organização industrial e da grande empresa. Apesar de o referencial
ter sido a Economia Evolucionária, muitos elementos presentes no
referencial da bioeconomia foram comprovados na pesquisa.

O objetivo foi analisar e compreender a inovação e a dinâmica
organizacional ligada a ela. Algumas experiências inovadoras dessa
iniciativa merecem destaque, como o Conselho Consultivo do Parque
Nacional da Serra do Cipó e Fórum de Desenvolvimento Regional
(inovação na gestão pública), Mercadinho Tá Caindo Fulô (economia
solidária, produtos tradicionais e agroecológicos), cursos de
bioconstrução e construção com bambu (difusão de tecnologias sociais),
novos modelos de negócios ligados ao setor de hospedagem.

Foi possível perceber que a capacidade de reflexão e de criação do
indivíduo também depende dos recursos (informações, tecnologias e
mercados) que ele consegue acessar e usar ao longo da vida. A
diversidade de experiências, de visões de mundo e de formação é um
princípio-chave, com a gestão (ideia de processo de transformação) e a
liderança, para que sejam possíveis novas conexões. Foi possível
concluir também que a ideia de competitividade, ou vantagem
competitiva, está mais próxima da concepção de colaboração e
cooperação entre atores do que de disputa ou destruição entre eles?,
conclui.

Saiba mais
Conheça a programação da Semana C&T em todos os campi do CEFET
www.semanact.cefetmg.br/2019/10/09/disponivel-programacao-da-15a-semana-ct/

Alguns trabalhos a serem apresentados:
Belo Horizonte: Pesquisa avalia percepção dos motoristas sobre
segurança no trânsito
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia037.html

Araxá: Equipamento de baixo custo monitora desempenho de máquinas agrícolas
/www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia020.html

Contagem: Programação de jogos digitais é tema de pesquisa na Semana C&T
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia011.html

Nepomuceno: Estudantes criam armadilha desmontável de insetos
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia006.html

Algumas informações sobre a programação:
Belo Horizonte: Tecnologia, arte, poesia e jornalismo compõem a 7ª
Festa de Linguagens
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia024.html

Belo Horizonte: Clube do Livro recebe autor de obra indicada para
vestibular do CEFET-MG
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia023.html

Belo Horizonte: BH recebe palestra sobre preservação e convidada
internacional
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia044.html

Araxá: Mercado de trabalho e inovação são temas de palestras na Semana C&T
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia034.html

Curvelo: Programação na praça abre Semana C&T e META em Curvelo
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia030.html

Timóteo: Semana C&T em Timóteo recebe palestras de professores externos
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia042.html

Nepomuceno: Redes neurais artificiais e crise do café na Semana C&T
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia039.html

Varginha: C&T Varginha: 52 pesquisas e palestras sobre café e vida
extraterrestre
www.cefetmg.br/noticias/arquivos/2019/10/noticia041.html